Bíblia salva no Titanic será exposta em museu

biblia-titanic-320x183.jpg

Ela pertenceu a um reverendo inglês que estava no navio, mas não conseguiu sobreviver

Um museu dedicado ao navio Titanic, que naufragou em 1912, está exibindo uma Bíblia resgatada no acidente. O Livro Sagrado ficará exposto até o final deste ano no Museu do Titanic que fica em Tennessee, sudeste dos Estados Unidos.

O Museu fez uma homenagem ao cristianismo por conta do dia 1º de maio que nos Estados Unidos é comemorado o Dia Nacional da Oração. Nessa homenagem eles incluíram a Bíblia que pertenceu a um reverendo britânico que estava dentro do Titanic.

O reverendo Robert J. Bateman saiu de Southampton, Inglaterra, rumo aos Estados Unidos, mas não sobreviveu ao naufrágio. Antes de morrer, porém, ele entregou a Bíblia para sua cunhada, Ada Ball, que foi salva através de um bote salva-vidas.

Ball conseguiu sobreviver ao acidente e chegou ao seu destino onde estava Emily Bateman, esposa do reverendo. De acordo com informações do próprio museu, o livro foi entregue a um médico, o Dr. Harry Upperman, por Ada Ball que estava prestes a morrer.

A história do reverendo inglês ajuda a contar um pouco sobre a embarcação. “Aqui estamos 102 anos depois [do naufrágio] e ainda somos capazes de exibir esta Bíblia, é um privilégio para nós”, disse o dono do Museu do Titanic, John Joslyn.

Antes de morrer o reverendo Bateman fundou a igreja People’s Tabernacle Church, em Knoxville na década de 1890, e depois se mudou para a Flórida onde ficou por pouco tempo, pois ele viajou para a Inglaterra e não retornou mais.

Fonte: CACP – Ministério Apologético
Contribuição: Cláudio Antônio da Silva

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *