Conferência de economia solidária destaca avanços de políticas públicas

jacques wagner.jpg

A 3ª Conferência Estadual de Economia Solidária foi encerrada nesta sexta-feira (23), no Hotel Fiesta, no bairro do Itaigara, em Salvador. Realizado durante três dias, o evento reuniu 500 participantes, entre os quais 322 delegados escolhidos nas 27 Conferências Territoriais, além da presença significativa de gestores – ao todo 40, representando 20 dos 27 territórios de identidade do estado.

Ao finalizar as atividades do encontro, o superintendente de Economia Solidária da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Milton Barbosa, afirmou que a economia solidária, na Bahia, está comemorando novos avanços com a perspectiva da interiorização das políticas públicas incrementadas pelo Governo do Estado.

Ele destacou ainda a atuação de maneira coletiva e integrada dos 322 delegados territoriais e valorizou, principalmente, as proposições apresentadas pelo grupo durante as plenárias. “Essas propostas servirão de lastro para construção do Plano Estadual de Economia Solidária, que será consolidado pelo Conselho Estadual de Economia Solidária e depois encaminhado à apreciação do governador Jaques Wagner”, disse o superintendente.

No evento foram escolhidos os 100 delegados baianos que irão participar da 3ª Conferência Nacional de Economia Solidária, em Brasília, marcada para acontecer entre os dias 26 e 29 de novembro deste ano. Os nomes foram distribuídos com a seguinte proporção segundo o regulamento geral da conferência estadual – 50% de representantes dos empreendimentos econômicos e solidários, 25% das entidades de apoio (assessorias) e 25% de gestores públicos.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *