Criança de 8 anos é forçada a se casar com homem de 40 e morre com hemorragia interna na noite de núpcias

Uma criança de oito anos de idade morreu com hemorragia interna durante sua noite de núpcias depois de ser forçada a casar com um homem de 40 anos. A garota, identificada apenas como Rawan, morreu na região tribal de Hardh, no noroeste do Iêmen (fronteira com a Arábia Saudita).
Ativistas estão acusando o noivo, pedindo para que a justiça tome providências sobre o caso. Eles acreditam que a prisão ajudaria a acabar com esta prática que possibilita meninas muito novas se casarem com homens mais velhos na região.
A prática de casamento entre crianças e homens adultos é muito difundida no Iêmen e tem atraído a atenção de grupos de direitos humanos internacionais que buscam pressionar o governo para proibir este tipo de casamento.
Como a região é muito pobre, as famílias acabam cedendo a “noiva” em troca de milhares de dólares. Mais de 25% das mulheres da região se casam antes dos 15 anos, segundo relatório publicado em 2010 pelo Ministério de Assuntos Sociais . Techmestre

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.