Desfile cívico na Avenida Cinquentenário terá participação de 15 escolas

Estudantes da Rede Pública Municipal de Ensino de Itabuna participam nesta sexta de Desfile Cívico em homenagem aos 190 anos da Independência na Bahia. Organizado pela Secretaria Municipal da Educação (SEC), o evento tem o objetivo de resgatar e valorizar a História do 2 de Julho, possibilitando à sociedade itabunense conhecer a importância da Bahia no movimento de Independência do Brasil.

A iniciativa faz parte do projeto Itabuna, Resgatando a História da Independência da Bahia, implementado pela SEC e que este ano conta com a participação de 15 escolas municipais. A concentração dos estudantes para o início do desfile está programada para as 14 horas no Jardim do Ó, de onde os participantes seguirão em direção à Avenida do Cinquentenário ressaltando os fatos e personagens que fizeram parte da luta pela Independência na Bahia. A dispersão acontecerá no cruzamento com a Avenida Amélia Amado.

De acordo com a comissão organizadora do Desfile Cívico, a decisão da Prefeitura em promover o desfile em data posterior ao 2 de Julho deve-se ao fato de que tal manifestação não faz parte da cultura local e, por se tratar de um feriado estadual, muitas pessoas aproveitaram para viajar. “A idéia é justamente introduzir no calendário letivo e de festividades da cidade as comemorações do 2 de Julho”.

“Precisamos resgatar a nossa história para que as gerações futuras possam valorizar a importância daqueles homens e daquelas mulheres que lutaram pela concretização da Independência Brasileira”, frisou a professora Núbia França. Até a dispersão, os estudantes da Rede Municipal trarão à luz personagens que fizeram parte da luta pela Independência na Bahia: Maria Quitéria, José Joaquim de Lima e Silva, Lord Cochrane, Maria Felipa, Madeira de Melo, Joaquim Inácio de Siqueira Bulcão, Visconde de Pirajá, Freira Joana Angélica, Corneteiro Lopes, bem como as figuras dos caboclos indígenas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.