Doente terminal de câncer, evangélico grava vídeo de despedida para sua filha e diz: “Seu pai amava ao Senhor”; Assista

Nick_Alyssa_e_Austin-Magnotti.jpg

Um homem que lutava contra um câncer raro desde os 24 anos de idade, e já havia sido desenganado pelos médicos, gravou um vídeo de despedida para sua filha, Austin, de sete meses, e disse: “Seu pai amou ao Senhor”.

Nick Magnotti se submeteu ao tratamento do câncer de apêndice enquanto pôde. Quando os médicos notaram que a quimioterapia já não estava surtindo efeito, e que os tumores estavam se espalhando por seu corpo, Nick resolveu interromper o tratamento e aproveitar os dias que restavam ao lado de sua família.

No vídeo, Nick diz à filha que “todas as pessoas morrem”, porém ele é uma pessoa abençoada por poder se despedir dela. A bebê Austin é filha de Nick de seu relacionamento com Alyssa, com quem se casou em 2008 na Lakeside Community Church, pastoreada por Eric Spanglor.

Ainda no vídeo de despedida, Nick diz acreditar que sua filha alcançará grandes feitos através de Deus, e diz à ela que seu gesto tinha a intenção de levar um exemplo às outras pessoas, e assim, contribuir para que elas encontrassem a Deus.

Com aparência serena, Nick diz em sua gravação que como cristão, não temia a morte, pois sabia que ela significava a ida para um lugar melhor. Em janeiro de 2014, Nick faleceu aos 27 anos, deixando Alyssa viúva e Austin órfã de pai, mas ambas com uma história exemplar de fé e confiança em Deus.

Assista:

Gospel+

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *