Ex-aluno vence batalha e justiça penhora bens da FTC de Itabuna

ftc500.jpg

A FTC Itabuna sofreu nova penhora de bens nesta segunda-feira (20) em ação movida por um ex-aluno. Reubis Almeida Silva matriculou-se na instituição, pagou mensalidades antecipadamente, mas acabou desistindo do curso. Porém, a faculdade se negou a devolver o dinheiro. Hoje, com a presença do oficial de justiça, a faculdade prometeu devolver o valor, integralmente, até as 16h desta segunda.

Reubis ingressou com ação no Juizado Especial em 2009. A decisão saiu em 2013, quando a Justiça autorizou, em dezembro, a penhora de R$ 7.554,76 em bens da faculdade. Os bens foram retirados por um oficial de justiça e pelo ex-aluno, acompanhado do advogado Matheus Santiago.

Segundo afirmou Matheus Santiago, a Justiça havia ordenado à FTC que devolvesse os valores. Como não houve o ressarcimento ao cliente, restou a penhora de equipamentos de informática e projetores multimídia até o valor total da causa. A faculdade ainda poderá quitar a dívida, pagando em espécie, até as 16h.

Na ação, o juiz George Alves Assis disse causar perplexidade que a FTC Itabuna não possua qualquer veículo ou “não faça movimentações bancárias” e “não possua qualquer quantia em suas contas, nem de seus sócios”.

Seu Pimenta

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *