MAIS DE 22 MIL FAMÍLIAS DE ITABUNA COM PEIXE NA MESA NA SEXTA-FEIRA

Moradores de mais de 70 bairros de Itabuna ganharam peixe distribuído pela Prefeitura - Foto Gabriel de Oliveira 3

A Prefeitura de Itabuna, através da Secretaria de Assistência Social – SAS, concluiu nesta quarta-feira, a distribuição de 45 mil quilos de peixe para moradores de mais de 70 bairros, loteamentos, distritos, povoados, além de 17 entidades assistenciais e instituições filantrópicas do município. Foram beneficiadas exatamente 22.500 famílias, sendo que cada uma recebeu em média dois quilos de corvina inteira congelada.

O pescado distribuído desde terça-feira garantirá mesa farta para famílias itabunenses. Para o presidente da Associação de Moradores do Bairro São Lourenço, Edmundo Farias da Conceição, a ação do município ajudou 600 famílias a manter a tradição da Semana Santa. “São centenas de famílias que não teriam dinheiro para comprar o peixe, que é o alimento mais caro para o almoço da Semana Santa ou da Páscoa”. 

Já o presidente da Associação de Moradores do São Caetano, Jomazi Nunes de Melo, o Mestre Bola, elogiou a decisão da Prefeitura de manter a tradição e o sistema de distribuição do pescado para as famílias. “Somos nós, que moramos nos bairros, que sabemos da necessidade de cada um. Foram contempladas as famílias mais necessitadas do nosso bairro”, explicou Mestre Bola.

Os moradores beneficiados com o pescado também elogiaram a distribuição de peixe pela Prefeitura de Itabuna. A dona de casa Isabel Alves dos Santos, residente no bairro Sinval Palmeira, foi uma das primeiras a receber o pescado distribuído perto de casa no Grupo Escolar Frederico Smith Lima, no bairro Urbis IV, nesta quarta-feira.

Dona Isabel Alves contou que o dinheiro do peixe foi usado para compra de outros produtos consumidos na Sexta-Feira Santa. Ela disse que mais uma vez reunirá toda a família para o tradicional almoço. “Estou reunindo meus filhos, netos e até meu ex-marido foi convidado e vai almoçar conosco”, informou. Já o aposentado José Carlos da Silva, também do Sinval Palmeira, disse que já estava preocupado em garantir o peixe, que chegou na hora certa.

PMI

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *