Prefeitura alerta sobre visita dos agentes no combate à dengue

Em razão de rumores de que pessoas mal intencionadas têm-se passado por agentes de endemias, prejudicando o trabalho de combate à dengue, a Secretaria da Saúde de Itabuna alerta para a necessidade de os moradores ficarem atentos e verificar se a pessoa que se apresenta como agente porta os documentos de identificação, a farda e a mochila com o brasão do município.Segundo a coordenação, isto porque as visitas domiciliares feitas pelos agentes de endemias estão sendo prejudicadas devido a rumores sobre falsos agentes que estariam atuando na cidade.

A coordenação de Combate a Endemias informa que “o morador pode até mesmo solicitar a carteira de identidade do agente e ligar para o Departamento de Vigilância à Saúde para confirmar se é um profissional do Município”. Renato Freitas explica que os moradores podem ligar para 3617-5692 para tirar dúvidas e dar sugestões.”Os agentes não estão tendo acesso a algumas casas e isso é preocupante. Cada casa pendente representa um foco com raio de ação do mosquito em até 100 metros” explicou o coordenador. Renato pede que o morador acompanhe o agente de endemias, faça perguntas e seja um multiplicador de informações sobre o combate à dengue.

Novo larvicida

Outro esclarecimento da coordenação de Combate a Endemias é sobre o larvicida Novalurom que começou a ser usado em 2014.

Segundo Renato Freitas, o Novalurom é seguro, indicado e fornecido pelo Ministério da Saúde. Ele esclarece que não há registro sobre problemas causados pelo larvicida à saúde de pessoas.O Novalurom age diretamente na formação da larva, inibindo o desenvolvimento e evitando que atinja a fase adulta. Ainda que as larvas cheguem a eclodir, o larvicida levará à má formação e esterilidade nos insetos adultos. Outro ponto positivo destacado por Renato é o efetivo controle de larvas, com baixa dosagem, levando em conta a capacidade do reservatório e mantendo efeito residual de dois meses.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *