Projeto Bom de Bola, Melhor na Escola começa no domingo

As metas do governo municipal para incentivar o estudante a ter bom rendimento na escola e manter as crianças e adolescentes longe das drogas, além de oferecer uma oportunidade de lazer para amigos e familiares dos estudantes nos finais de semana. Os jogos serão disputados na Vila Olímpica.

A maior competição esportiva amadora de futsal da história de Itabuna começa neste domingo e vai até setembro, com a participação de mais de 1.500 atletas e 140 equipes. É grande a expectativa dos diretores de escolas, dirigentes de clubes de serviços, associações de moradores, desportistas, pais e atletas.

O dirigente Cosme Pereira Alves, do bairro Pedro Jerônimo, vai participar do Bom de Bola, Melhor na Escola pela segunda vez. Em 1996 uma das equipes comandadas por Cosme conquistou o título na categoria infantil. “Esse projeto é espetacular porque movimentar a toda cidade e oferece uma ocupação para os jovens no fim de semana”, avalia Cosme.

Nesta edição do projeto, Cosme Pereira garantiu a participação com equipes nas categorias Mamadeira, Fraldinha, Pré-mirim, Mirim, Infantil, além de feminina a partir de 15 anos. Os estudantes também estão ansiosos para o início dos jogos. Aluno do 7ª ano do Colégio IMEAM, Jhon Carlos Santos da Silva, 13 anos. “Nossa equipe está muito bem preparada e vamos oferecer muito trabalho para os adversários. Mas a disputa será apenas dentro de quadra”.

Bom exemplo

O estudante do 8º ano do Colégio Amélia Amado, Vinicius Santos Santana assegura que não é bom somente nas quadras esportivas, mas também na escola. Aluno dedicado, Vinicius conta que no ano passado conseguiu cinco notas 10. “Os jogos vão ajudar a manter as crianças longe das coisas erradas, da bandidagem”.

O Bom de Bola, Melhor na Escola vai contar com a participação de cerca de 150 equipes nas categorias Mamadeira (sub-5), Chupetinha (sub-6), Fraldinha (sub-9), Pré-mirim (sub-11), Mirim (sub-13), Infantil (sub-17), Juvenil (sub-19), além dos times femininos formados por pessoas com idade a partir de 15 anos.

O projeto visa promover o intercâmbio entre estudantes e incentivar o retorno das crianças às salas de aula. Além dos jogos de futsal, estão programadas palestras sobre cidadania, prevenção às drogas, saúde e segurança. O Bom de Bola, Melhor na Escola é uma das ações previstas no Programa Cidade de Paz, que busca reduzir a violência em Itabuna com ações esportivas e culturais.

O secretário de Esportes e Recreação, Evans Maxwel Silva, explica que o projeto busca manter as crianças longe da marginalidade e melhorar a relação das pessoas e incentivar o acesso ao conhecimento. “Esse projeto envolve a família, a escola e os amigos. Com isso, pretendemos melhorar a relação e ajudar a diminuir a violência”, diz Maxwel.

A cerimônia de início do Projeto Bom de Bola, Melhor na Escola será com apresentações culturais do grupo de teatro da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC) e palestras de psicólogos da Secretaria de Desenvolvimento Social sobre os problemas gerados pelo crack. Evento será aberto pelo prefeito Claudevane Leite, que fará a entrega simbólica de alimentos para duas instituições filantrópicas.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *