Rede hoteleira baiana terá novos investimentos até a Copa

A previsão da Secretaria de Turismo é que 3 mil novos quartos sejam construídos e melhoria na infraestrutura dos hotéis

Segundo dados da Secretaria Estadual de Turismo, até a Copa do Mundo de 2014 serão construídos três mil novas unidades habitacionais nos meios de hospedagem da Bahia. A avaliação aponta ainda que também estão previstos R$ 400 milhões em investimentos privados na infraestrutura do setor hoteleiro baiano, o que representa a geração de dois mil empregos diretos.

Esse investimento faz parte do projeto aprovado pela FIFA, entidade máxima do futebol, para que as cidades possam receber com qualidade os turistas nacionais e internacionais. Entre as sedes do evento está Salvador. A capital baiana receberá seis jogos na competição mais importante do futebol mundial, além de acomodar diversas delegações de seleções mundiais, representantes da imprensa internacional e visitantes de todo o planeta.

Ilhéus

Além da capital baiana, sub-sedes foram escolhidas para acolher seleções e visitantes, dentre elas está a cidade ilheense. O protocolo de definição da cidade como Centro de Treinamento foi assinado pelo ex-prefeito Newton Lima, despontando assim a terra de Gabriela como potencial turístico durante o evento.

Todos esses aportes financeiros investidos podem estimular o deslocamento e permanência dos turistas, que consequentemente poderão trazer benefícios à comunidade ilheense nas formas de geração de emprego, renda e qualidade de vida. Na opinião do secretário executivo do Ministério do Turismo, Valdir Moysés Simão, essa harmonia com o setor privado é essencial para um posicionamento de mercado com foco no médio e longo prazo. “Queremos ter uma adequada recepção dos turistas, para que voltem aos locais visitados. Nisso, também está envolvida uma correta aplicação tarifária”, finaliza.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *